A Origem do Tai Chi

O famoso símbolo chinês representa o constante ciclo do universo, de vida e morte, luz e sombra, e serve como guia para compreender nossa verdadeira essência.

A seguir vamos estudar a sequência que deu origem ao tão conhecido símbolo do Tai Chi:

O início é WU-CHI, representa o Reino de Deus, a Terra Pura, significa o Nirvana, é o Grande Vazio. Este vazio pode incluir todas as coisas do universo. Este círculo pode ser estendido até o infinito para incluir todas as coisas visíveis e abstratas, e também pode ser diminuído até que sirva para explicar a Verdade das coisas minúsculas. Neste reino moram os seres iluminados e também é a origem de nossa essência, que veio de Deus. Nossa essência é muito pura e contém todos os poderes. Este círculo também representa a eternidade. Não sabemos onde começa nem onde termina. Não tem princípio nem fim, por isso ele é eterno.

Deus enviou o Tao ao mundo. Ele começou a gerar a intenção de criação, e a partir disso criou o Céu, a Terra, todas as criaturas e todos os seres. Então esse ponto é a origem de todas as coisas do universo, cuja profudidade está além de qualquer descrição ou palavra, por isso simplesmente o chamamos de Tao.

Depois de Deus enviar o Tao ao mundo, começou uma época de caos e vitalidade. Deus começou a criar todas as criaturas e todos os seres, foi o início do caos.

No início, o Céu e a Terra estavam cheios da energia do universo. A energia sutil se elevou e formou o Céu e a energia densa desceu e formou a Terra. O Céu é Yang e a Terra é Yin. Nesse momento já se formou claramente o Céu e a Terra, também chamado Dois Pólos, que representam a dualidade, o Yin e Yang.

Depois da separação do Céu e da Terra, Yin e Yang se misturam. Dentro de Yin tem Yang, e dentro de Yang tem Yin. As duas energias começam a se criar, e a criação continua para sempre, então pouco a pouco todas as criaturas e todos os seres foram criados. O universo passo a passo foi formado. Por isso dizemos que existe Yin e Yang em cada um. Por exemplo: o Céu é Yang, a Terra é Yin, o macho é Yang, a fêmea é Yin. Todos os assuntos contêm Yin e Yang, negativo e positivo. Se não tivessem, não poderiam existir no mundo. A criação do ser humano também é assim. O homem é Yang, a mulher é Yin. Yin e Yang se misturam, por isso a vida dos seres humanos continua.

Yin e Yang se combinaram continuamente e todos os seres e criaturas foram criados. Assim o universo foi formado. Esse símbolo se chama TAI-CHI. CHI significa extremo, TAI-CHI representa o maior limite. Ele ainda tem um prazo, não é a eternidade. Dentro de Yin tem Yang, dentro de Yang tem Yin. Yin e Yang se criam sem parar. Quando Yang cresce, Yin vai desparecer. Se Yang diminui, Yin vai crescer. Eles sempre se criam, em um ciclo de nascer e morrer continuado.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags

cultivando sabedoria

O que você procura?
Nossos visitantes
Facebook           Contato

sitesementedobem@gmail.com

Curitiba - PR - Brasil